As Bem aventuranças!

Mt 5:1-13
Este primeiro post estaremos discorrendo sobre as bem-aventuranças, que constituem o início do famoso “Sermão do monte”. Mas antes de falar individualmente acerca de cada uma destas qualidades do crente, precisamos dar alguns princípios gerais que se aplicam a todas elas.

1-A benção depende da santidade

O antônimo de humilde é arrogante, o oposto de manso é raivoso e o contrário de fome e sede de justiça é fome e sede do pecado. Sendo assim, estas características descritas por Cristo em Mt 5:1-13 são antes de tudo um chamado a santidade. No grego, bem-aventurado é “Makarios” e significa feliz ou abençoado. Porque só o abençoado é feliz, do mesmo modo que felizes são os abençoados. E que tipo de pessoa pode ser classificada desta forma? Os mansos, os misericordiosos, os que tem fome e sede de justiça, resumindo, aqueles que são santos. O povão gosta de uma boa campanha e da oração ungida de um pastor poderoso, mas a bíblia é enfática para mostrar o caminho da benção: “Santificai-vos pois amanhã o Senhor fará maravilha no meio de vós”. Santidade primeiro, maravilha depois.

2-As bem-aventuranças nos prometem felicidade
     Num dos contos mais famosos, Pinóquio sabia que o dever de toda criança era ira a escola. No caminho, porém, alguns sujeitos prometem levá-lo até a “Ilha da aventura” (uma espécie de parque temático) e assim lhe dão passagens grátis para o barco que levaria ele e seu amigo Espoleta até a ilha. Mas nenhum dos dois sabia que no fim do dia todos os garotos seriam transformados em burros de carga e vendidos para puxar carroça nas minas de carvão pelo resto da vida. A visão que o mundo tenta passar é que Deus e a igreja são uma coisa chata, bom mesmo é o pecado, mas Pinóquio ilustra bem o que realmente é a verdade.
Já que as bem-aventuranças são um chamado a santidade, um resumo de tudo isto seria: “Felizes os que se santificam”. No primeiro ponto eu disse que a benção vem através da santidade, mas por outro lado a santidade é a própria benção: “Tendo Deus ressuscitado o seu Servo, enviou-o primeiramente a vós outros para vos abençoar, no sentido de que cada um se aparte das suas perversidades” (At 3:26).
     Jr 6:14 “Curam superficialmente a ferida do meu povo, dizendo: Paz, paz; quando não há paz”. Haviam alguns profetas na época de Jeremias que mesmo em face do pecado do povo estavam anunciando que tudo iria ficar bem, eles pregavam a mensagem de consolo sem anunciar o juízo. Mas nós sabemos que se você não se arrepender não irá ficar tudo bem não, pois“Para os perversos, diz o meu Deus, não há paz” (Is 57:21). Pode ter dinheiro, sexo, fama, mas alegria e paz são reservadas apenas aos santos, já que santidade e felicidade são sinônimos.

3-As bem-aventuranças são um chamado a todos os crentes
     Foi a igreja católica que introduziu esta heresia tremenda que faz distinção entre sacerdotes e leigos, onde apenas alguns crentes especiais são chamados a serem santos. Há diferenças no ministério e na autoridade, mas não na santidade. Apenas alguns podem governar a igreja, mas todos devem se separar do pecado.
     Algumas pessoas acreditavam que o sermão do monte não era para nós. Ora, então era para quem, para os anjos? Este outro engano acontece devido a um mau entendimento acerca da graça. Em Cristo eu sou justo e isto quer dizer que a justiça de Cristo está em mim. E se a justiça de Cristo é perfeita, conclui-se que eu não poderei ser mais santo amanhã do que já sou hoje? Sim! Mas por outro lado a bíblia também diz que: “E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito” (II Co 3: 18). É de glória em glória, de degrau em degrau a nossa transformação.
     É verdade que daqui a vinte anos eu não serei mais justo do que sou hoje, mas também é verdade que daqui a vinte anos eu serei mais justo do que sou hoje. Como isto? A palavra de Deus está cheia de paradoxos. Paulo disse “Entristecidos, mas sempre alegres”. Ora, no nosso mundo natural ou estou triste ou feliz, mas no reino dos céus é possível unir os dois. A bíblia diz que Jesus era perfeito, no entanto foi aperfeiçoado (Hb 5:9). Portanto, caminhe a estrada da fé dizendo: “Sou santo, mas preciso me santificar”.

4-Estas descrições são geradas pelo Espírito
     Uma dedução que tiramos desta verdade é que nenhum ímpio possui estas características. Em Gl 5:22 Paulo afirma as mesmas coisas: “Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade”. O fruto é do Espírito porque só pode ser gerado por ele.
     Tg 2:26 “Fé sem obras é morta”. O problema que Tiago enfrentava é que havia muitas pessoas dizendo que possuíam fé, no entanto viviam no pecado, mas mesmo assim achavam que estavam salvas. Então o apóstolo faz a afirmação: “O que comprova a fé são as obras”. Por conta disto surgiu outro engano: “Não importa o que você crê, contanto que esteja fazendo o que é certo”. Mas não foi isto que Tiago disse, porque se a fé sem obras é morta, as obras sem fé é um defunto, ou seja, não existe. Certa vez uma irmã me disse: “O fulano não é crente, mas parece melhor do que muitos crentes”. Eu retruquei: “Você disse bem irmã, parece, porque o diabo se apresenta como anjo de luz e Judas parecia o melhor dos apóstolos, no entanto era filho do diabo”.
     Por que declarar que um ímpio não tem estas marcas em si é tão importante? Afirmar o contrário, disse Martyn Lloyd Jones, é heresia. É como declarar: “Não precisamos de Deus, eu posso ser bom por mim mesmo”. O sermão é do monte porque é impossível chegar até seu pico sozinho, precisamos do Espírito Santo. E já que um ímpio é nascido apenas da carne ele tem que ficar no vale das suas obras naturais.

5-Cumprir estas bem-aventuranças nos leva a avivamento
     M. Lloyd Jones fez uma declaração ousada, mas verdadeira: “Sempre, em toda a história da igreja, que alguns, repito, alguns homens se levantaram para ser o que o sermão do monte nos comissiona a ser, houve avivamento”. Muitas pessoas colocam a oração como carro chefe para atrairmos a glória de Deus sobre nós. Porém a grande verdade é que a santidade é o fator mais importante. Quando você se santifica, obviamente ora, mas oração não é tudo, é apenas um dos sinais de santificação. E lembremo-nos do que está escrito:“Santificai-vos pois amanhã o Senhor fará maravilha no meio de vós”.

     Os mórmons foram fundados por Josef Smith. Quase todas as pessoas da cidade onde ele morava o classificavam como um endemoniado devido às loucuras que dizia. No entanto, uma família acreditava piamente em Josef, mesmo que suas idéias fossem extremamente absurdas. Quando perguntaram aquela família porque eles depositavam tanta fé naquele jovem, eles responderam: “Alguém tão amoroso como ele não pode estar mentindo”. É claro que não creio que ele realmente amava, pois já mostrei minha posição anteriormente. Porém, uma heresia pregada por alguém aparentemente amoroso é mais aceita do que uma verdade dita por pessoas sem amor.
     Ou seja, o melhor argumento e a ilustração que mais exemplifica o evangelho é um crente que vive o sermão do monte. Uma das características do evangelho autentico é que ele leva a convicção de pecado. Um crente santo que carrega as marcas das bem-aventuranças em si é um evangelho ambulante, pois a sua vida separada torna-se um constante raio-x para mostrar a doença dos demais. Além do mais, se a nossa vida não é superior a dos ímpios, porque eles desejariam se tornar como a gente?

Autor: Pr. Rodrigo David
Edição: Heverton de Oliveira
_________________________________________________________
Também temos essa mensagem em áudio. Gostaria de adquiri-la? Entregamos em qualquer lugar do Brasil!Deixe um comentário com seu e-mail e prontamente iremos entrar em Contato! Você mora na Região do Vale do Paraíba? Gostaria Participar de algum culto da Igreja Resgatar?  Click aqui e Saiba o Endereço!  Você será muito bem vindo! Temos Igrejas em Guaratinguetá- SP e Lorena – SP.
_________________________________________________________
Nós do blog do Heverton agradecemos o interesse!
Que Deus abençoe!

2 pensamentos sobre “As Bem aventuranças!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s